04/05/18 - Superliga

Às vésperas da final, Sada Cruzeiro recebe visita de trio do futebol cruzeirense

A semana intensa de preparação, trabalho e concentração para o principal jogo da temporada ganhou minutos de descontração nesta sexta-feira, 4/05. Os atletas do Sada Cruzeiro, que finalizam os preparativos para a grande final da Superliga neste domingo, 6, às 9h, treinaram no Mineirinho e receberam visitantes ilustres. De folga no Cruzeiro depois da última vitória pela Libertadores, três atletas do clube estrelado acompanharam o treino da Raposa e ainda bateram uma bola com a turma do vôlei no final da atividade.

O capitão e volante Henrique, o zagueiro Léo e o goleiro Rafael estiveram no Mineirinho para transmitir o apoio do elenco cruzeirense aos companheiros de equipe que vão lutar pelo hexacampeonato nacional neste domingo.

Henrique mostra a Leal as marcas deixadas pelo saque da máquina – Renato Araújo/Sada Cruzeiro

“Sempre que podemos, acompanhamos os jogos e torcemos por eles também. Hoje ainda fizemos mais, nos arriscamos nos movimentos deles e é muito difiícil, viu? To com o braço doendo e olha que foram só três bolas que defendi! Mas foi bem interessante vir aqui e poder assistir o treinamento deles. O Sada Cruzeiro é uma potência que acumula um título atrás do outro, está sempre disputando grandes finais. É uma vencedora, que traz muitos títulos para o Cruzeiro e o torcedor é grato por isso. Domingo tem mais uma final e vamos ficar na torcida para que tragam mais um título pra gente”, comentou Henrique, capitão do Cruzeiro.

Ele, Rafael e Léo se arriscaram nos fundamentos da modalidade, tentando receber saques da máquina utilizada no treinamento da Raposa, e improvisaram uma disputa sugerida por Serginho: os três contra Filipe, Simon e o líbero celeste. A galera do futebol de um lado da rede, utilizando somente as mãos, e a turma do vôlei nos movimentos do futevôlei. Segundo o líbero cruzeirense, o duelo ficou empatado.

Cruzeirenses confraternizaram antes de baterem bola no Mineirinho

“Eles até que levam jeito! Acho que de tanto assistir, dá para aprender um pouquinho só de olhar. O Rafa que é goleiro, o Leo zagueiro, estão acostumados na defesa, podem se arriscar de líbero. Mas o jogo mesmo terminou empatado, assim ninguém sai triste, porque atleta que veste essa camisa azul não gosta de perder nem em brincadeira”, comentou Serginho. “Foi uma visita bem legal. Da mesma maneira que nós vamos sempre ao Mineirão bater palma pra eles e apoiar, eles também passaram esse apoio pra gente hoje. Só temos amigos no futebol”, concluiu o camisa 17.

Para o central Simon, que agradeceu a presença dos cruzeirenses, foi um momento divertido em uma semana tensa. “Eles vieram nos apoiar e isso é muito legal, nos dá mais uma injeção de ânimo. Nós torcemos muito por eles no futebol e ficamos felizes de receber essa torcida deles também. Somos atletas e convivemos com as mesmas pressões, as mesmas situações em modalidades diferentes. Eles vieram nos dar as mãos e aceitamos felizes. Ainda tivemos a chance de fazer uma brincadeira em quadra e foi bem legal para nos distrair um pouco neste momento decisivo, é sempre bom dar essa acelerada no coração”, comentou o gigante de 2,08m.